Posts Tagged ‘tecnologia’

Facebook Phone

11/02/2011

Ainda este ano será lançado o Facebook Phone, mesmo com Mark Zuckerberg negando sua existência! Eick Schonfeld, do TechCrunch, recebeu o gerente de uma operadora britânica que já tem uma pré edição do smartphone da rede social.

Andrew Bennet, que trabalha na INQ Mobile, iniciante no mercado local e que, assim como a HTC, trabalha na confecção do Facebook Phone, diz que o aparelho da empresa recebeu o nome de INQ Cloud Touch, mas há outro protótipo com teclado qwerty chamado INQ Cloud Q. Ele é baseado no sistema operacional Android e possui vários atalhos que facilitam a vida de quem não desgruda do Facebook.

Schonfeld salienta que o INQ Cloud Touch lembra um iPhone branco, exeto pelo fato de possuir ligações diretas com a rede. Por exemplo, logo no centro da tela tem um espaço para as news feed do site, e quatro botões levam o usuário à interação: People, Events, Notifications e Places, que mostram respectivamente atualizações, eventos (como aniversários e o que estiver no calendário do Google), notificações gerais e os locais divulgados por meio da rede. Incluse o chat do Facebook ganhou um espaço no celular.

O legal é que também há interação entre os dados do Facebook com os contatos do celular, assim o consumidor poderá ter uma agenda mais completa em mãos. O aparelho deve ser lançado na Inglaterra em maio, partindo em seguida para os EUA. Ainda não há preços oficiais, mas estão prevendo que o aparelho seja vendido lá por cerca de $50 com pacote de dados, e de $250 sem.

Veja mais ou menos como o Facebook Phone funciona:

Quem quiser ver outro vídeo, clique aqui.

Via.

Google quer explorar o corpo humano

17/12/2010

O Google não para de querer alavancar novidades pela internet.

Durante um evento de lançamento do Chrome OS e da Chrome Web Store, o Google exibiu uma nova ferramenta que permite visualizar o corpo humano em 3D.

A empresa liberou o acesso experimental ao recurso, chamado de Google Body Browser, que utilizando a aceleração gráfica dentro do próprio browser, permite ao usuário conhecer melhor a anatomia humana.

Pelo programa, é possível passear por todo corpo humano, dividido em categorias como músculos, ossos, órgãos, sistemas circulatórios, nervoso, entre outros. Os nomes de cada parte do corpo humano também são exibidos ao clicar em cima da parte escolhida. Também é possível buscar por determinada parte ao digitar o nome no campo de buscas (mas em inglês!). É praticamente um raio-x no conforto da sua casa!

A navegação é semelhante ao do Google Earth, e funciona quando um “câmera” é reposicionada em volta do corpo, dando um zoom e explorando as diferentes camadas do corpo humano.

O aplicativo funciona apenas em navegadores que possuem webGL, tecnologia que permite visualização 3D em páginas da internet. Os principais navegadores que têm essa tecnologia são versões mais recentes do Firefox 4 e Google Chrome 10.

Mas não se anime tanto, o Google Body Browser ainda está em fase de testes e não há previsão para lançamento.

Via. Via.

Facebook | Assuntos mais comentados em 2010

15/12/2010

Depois do Twitter, do Google, do Youtube e dos virais, chegou a vez do Facebook divulgar seu top 10 com os assuntos mais comentados pelos usuários nesse ano, dentro da rede social.

De acordo com o relatório elaborado pela empresa, “HMU” (abreviação para “Hit me up”) foi a expressão mais usada em 2010. Segundo o Facebook, as pessoas começaram a adicionar a tag para informar que estavam prontas para um encontro ou para sair com os amigos.

Foi a partir de julho, época de verão e férias escolares no hemisfério norte, que seu uso cresceu consideravelmente. Nesse tempo os usuários começaraam a usar o “HMU” meio que se autoconvidando para sair, explica o relatório.

Em segundo lugar, aparece o assunto Copa do Mundo. Na terceira posição, aparece o tópico Filmes, que foi alavancado devido discussões sobre os longas “Toy Story 3″, The Twilight Saga: Eclipse,” “A Origem” “Alice no País das Maravilhas” e”Iron Man 2” – os cinco mais comentados, respectivamente, no Facebook durante o ano.

iPad e iPhone ficaram com a quarta posição, e Haiti com a quinta. Na sequência aparecem: Justin Bieber, games no Facebook, mineiros, aviões e 2011.

Já no Brasil, o termo mais digitado pelos internautas brasileiros foi “Dilma Rousseff“, a recém-eleita presidente do Brasil. Em segundo lugar aparece o nome do também eleito, Tiririca, eleito para deputado federal pelo estado de São Paulo.

Esta é a primeira vez que a rede social faz um levantamento com dados apenas do Brasil.

Na sequência aparece o nome do festival de música SWU, seguido pelo técnico Dunga, a rede social FarmVille, o atacante santista Neymar, Copa do Mundo, Felipe Melo, Haiti e PSDB.

Para elaborar o relatório, o Facebook analisou as atualizações de usuários de 236 países. A lista surge depois que o site analisa quantas vezes cada termo ou frase é citada nas atualizações de status (posts de uma a quatro palavras) revelando temas ou palavras-chave que são tendências durante o ano. De acordo com o Facebook, todos os tópicos listados tiveram crescimento exponencial em 2010, ou seja, praticamente não existiam no ano passado.

A lista completa pode ser vista no blog do Facebook.

Via Info.

200 países, 200 anos, 4 minutos

14/12/2010

Num mundo onde temos que absorver diversas informações ao mesmo tempo, não é difícil conhecermos pessoas que têm mais de uma especialidade, sem contar as inúmeras expertises para conversas de buteco.

Mas alguns indivíduos se destacam por suas especialidades e, principalmente, por sua curiosidade e vontade de conhecer cada vez mais. Uma delas é Hans Rosling, que é médico, pesquisador e, por que não, um desbravador.

Hans Hosling

Hans Hosling

Depois de ter identificado uma doença induzida pela fome na África rural, graças aos seus conhecimentos na área de estatística, Hans fundou em 2005, junto com seus filhos, a Gapminder Foundation, uma organização sem fins lucrativos na Suécia.

A atividade inicial da Gapminder foi desenvolver o Trendalyzer, um software que transformava informações chatas em gráficos animados e interativos. Em março de 2007, o Google adquiriu o Trendalyzer, que se tornou o Google Public Data Explorer.

Hoje Rosling dedica seu tempo a destroçar mitos e informações incorretas que são divulgados massivamente sobre os denominados países do Terceiro Mundo. Historicamente, ele provou que as nações em desenvolvimento têm obtido resultados tão bons, e até mais rápidos que os países ricos – claro que mais na área social que econômica!

Graças sua capacidade de apresentar estatísticas globais de uma forma que qualquer pessoa possa entender e se divertir, Rosling é considerado uma espécie de Pop-Tedster (como é conhecido um astro do TED). A apresentação acima foi vista mais de 1,5 milhão de vezes, e é um dos maiores cases da história do TED.

Agora Rosling chega com mais uma novidade: ele apresenta 200 anos de história em 200 países, em apenas pouco mais de 4 minutos. No vídeo, ele mostra que não precisa ser gênio para saber que a expectativa de vida e renda no mundo todo era menor em 1810, mas como e para onde essas estatísticas se moveram ao longo do tempo.

O vídeo faz parte da série The Joy of Stats, e é uma fantástica produção da BBC, usando a técnica de realidade aumentada.

E agora… continua odiando estatísticas?

Via.

Vogue Rússia | Revista com vídeo

10/12/2010

E é novidade atrás de novidade! Quem imaginou que folheado as páginas de uma revista poderiamos encontrar nelas um vídeo?

A experiência chega na edição de dezembro da revista Vogue Rússia, que veiculará um anúncio com tela plana de cristal líquido e alto-falantes ultrafinos, conctados ao papel e imperceptível para o leitor. Essa tecnologia é conhecida como video in print.

A campanha da marca Martini, estrelada pela atriz italiana Mônica Bellucci, será publicada em duas páginas, e assim que o leitor virar as folhas, o vídeo será acionado.

A Vogue Rússia é a primeira revista que incorpora essa experiência audiovisual no setor editorial europeu. A empresa encarregada de desenvolver a tecnologia é a americana Americhip, que provou o dispositivo pela primeira vez na edição impressa da americana “Entertainment Weekly”.

Em setembro de 2009, a revista da Time Warner reproduziu uma propaganda de uma marca de refrescos junto com 40 minutos de clipes de várias séries de televisão.

Quando será que isso chega no Brasil, hein?!

Facebook | Revista eletrônica

08/12/2010

O PostPost possui uma proposta interessante: a de transformar os links compartilhados por seus contatos no Facebook em uma revista interativa.

O serviço é bastante similar ao FlipBoard, aplicativo para iPad que exibe os links publicados por seus amigos no Twitter e no Facebook no mesmo formato.

Na prática, o que o PostPost faz é importar a lista de feeds do seu Facebook é redistribuí-la em forma de um site interativo. As publicações são seguidas do avatar de quem a publicou, de seus comentários e do número de vezes que ela foi curtida.

Por um lado, é legal ver as publicações de seus contatos publicados no formato de um site. Por outro, a leitura fica menos ordenada do que na coluna de atualizações do Facebook. De qualquer forma, vale a experiência. Testa lá: www.postpost.com.

Via Info.

Samsung lança o primeiro tablet no Brasil

19/11/2010

A Samsung aproveitou a (não admitida) falta de interesse da Apple (iPad) no Brasil e lançou o primeiro tablet para o mercado brasileiro: o Galaxy TAB. O dispositivo chegou na noite desta quinta-feira, 18, nas operadoras Vivo, TIM e Claro e também na Oi, que entra como varejo, e, ainda, no próprio varejo.

Os grandes diferenciais do Galaxy TAB em relação ao iPad, que deu início à corrida mundial pelo mercado de tablets, é que o aparelho permite chamadas de voz, capta os sinais da TV digital brasileira (único modelo no mundo que faz isso) e também o sinal analógico (o sistema é misto, capaz de transitar entre o analógico e o digital, conforme a disponibilidade da cobertura de um ou outro), e roda Flash, que é uma tecnologia desprezada pela Apple. Por fim, o aparelho é equipado com o Android Froyo 2.2, da Google, e dispõe de mais de 100 mil aplicativos no Market Place, que é a loja de aplicativos do sistema operacional.

Ainda como diferencial para o mercado brasileiro, o tablet da Samsung chega ao mercado com conteúdo pré-embarcado: há livros da Publifolha, editora do jornal Folha de S.Paulo, a série Aplauso, da Livraria Cultura, e também acesso ao acervo da Livraria Cultura.

Na Vivo, o aparelho custará R$ 2.299 para usuários pré-pagos, sem planos de dados. O preço mais barato, de R$ 599, é para planos completos de voz e 8 GB de dados. Na Claro, o tablet custa a partir de R$ 1.099, com preço máximo de R$ 2.699. Na TIM, o Galaxy TAB sairá por R$ 2.280. Nas três operadoras, é possível comprar o aparelho em condições facilitadas de pagamento, como, por exemplo, em até 12 parcelas.

A Vivo lança antes o tablet em São Paulo e no Rio de Janeiro e, na semana que vem, começa a oferecer o aparelho para os demais estados. O vice-presidente de operações da Vivo, Paulo César Teixeira, disse que, quanto ao iPad, ainda não há previsão de lançamento para o Brasil. Anteriormente, as operadoras tinham a expectativa de que o tablet da Apple chegasse ao mercado brasileiro em meados deste mês. Por enquanto, no entanto, a Apple, oficialmente, ainda não lançou o aparelho no País.

Fonte: ProXXima

Qualquer cor em qualquer lugar

19/11/2010

A Pantone acaba de lançar seu Capsure, aparelho que consegue capturar a cor de qualquer superfície e determinar um equivalente em sua escala de tonalidades. Mas existe um sistema similar, desenvolvido pelo Scandinavian Colour Institute: é o NCS Colour Scan 2.0, que usa a mesma tecnologia de escaneamento para “pegar” cores em qualquer lugar e compará-las ao NCS Colour Notation em segundos.

O equipamento tem zoom, para que seja possível isolar e escanear cores mesmo em áreas muito pequenas, e um gravador de voz, que ajuda registrar suas observações sobre as tonalidades. Além disso, também ajuda no desenvolvimento de combinações de cores, oferecendo sugestões com base nos tons selecionados por você.

E se você precisa passar a seleção para o computador, o programa transforma as cores em valores CMYK, RGB e Lab.

Fonte: Escola de Criação ESPM

Seria o fim dos jornais?

04/11/2010

Segundo o australiano Ross Dawson, conhecido como “futurista”, a resposta é que o fim está bem próximo!

Por meio de gráficos, ele prevê a extinção dos jornais em 2017 nos Estados Unidos, e em 2019 no Reino Unido e Canadá.

Ross diz que, num nível global, alguns dos fatores para a morte dos jornais incluem o aumento na viabilidade dos celulares, computadores, tablet, leitores digitais e a própria ida do conteúdo para o online. Mas nem tudo é culpa da tecnologia. O australiano também se refere à economia como um fator importante nesse processo.

Mas Dawson também tem uma notícia boa aos amantes do impresso: os países menos desenvolvidos levarão mais tempo para matar o jornal. Em países como Argentina e Mongólia, por exemplo, o jornal deverá viver até 2040.

Veja o gráfico abaixo para ver a previsão de extinção nos países, e os fatores principais:


(Clique para aumentar)


(Clique para aumentar)

Vi no The Wall.

Na contra-mão da tecnologia

27/10/2010

Atualmente encontramos muitas pessoas viciadas em novidades, principalmente se essas novidades forem tecnológicas.

Apesar de saber que a maioria de vocês, leitores, também gostam de se ligar nas tendências e conhecer as novas tecnologias, existem aqueles que não gostam muito ou não se acostumam com toda essa revolução. E foi pensando exatamente nessas pessoas que a John Doe Amsterdam fabricou o Jhon’s Phone, um celular averso à tecnologia.

Ele não tem display colorido, não suporta torpedos, não tem câmera nem relógico e muito menos lanterninha para nos salvar nas noites de escuridão. Na verdade é o celular mais simples do mundo: você liga e desliga. E só! O que você encontra de diferente é que nele vem uma agenda em forma de bloco de notas, que é guardada na parte de trás, e uma caneta, para que você possa escrever o telefone e as informações dos seus contatos – sim, você escreve de próprio punho!

Em contrapartida, o John’s Phone é liberado para qualquer SIM card, e você pode fazer e receber ligações de qualquer lugar do mundo. Você também pode salvar 10 número na discagem rápida, pode adiquirir o fone para fazer ligações enquanto está dirigindo, por exemplo, e por não precisar de muito consumo de energia, sua bateria dura um pouco mais que três semanas.

Parece piada, mas o Jhon’s Phone existe mesmo! Ele pode ser comprado por € 69.95 (aproximadamente R$ 166) no site oficial e em diversas cores, como preto e rosa.

Dica do @mirandez que viu no Rock’N Tech