Posts Tagged ‘ipad’

LG Optimus Pad promete acabar com a Apple

16/02/2011

Depois da Motorola cutucar a Apple com seu novo tablet, agora é a vez da LG vir um pouco mais agressiva.

Em seus novos comerciais, a LG mostra que veio com tudo para destruir seu maior concorrente com seu novo tablet, o Optimus Pad. Em um dos vídeos divulgados, dois robôs Transformes (um deles é o Optimus Pad e o outro, o iPad) travam uma batalha até a morte, onde, no final, o Optimus Pad literalmente esmaga a maçã!

O outro comercial é menos bruto, mas mesmo assim passa sua mensagem de um jeito direto. Fazendo referência ao game Street Fighter, o filme mostra o Optimus Pad lutando contra o “Apad”, um sósia de Steve Jobs, que logo no início já leva uma surra!

Será que a LG consegue ter tanto sucesso quanto seus comerciais?!

Via.

Anúncios

Sundown Kids para iPad

04/02/2011

Post curtinho só para mostrar esse anúncio interativo da a Sundown Kids publicado na revista Veja para iPad.

Lindo, lindo!

Jornal exclusivo para iPad

02/02/2011

Nasce hoje o “The Daily”, a primeira publicação oficial exclusivamente voltada para o iPad. Essa aposta é do magnata da mídia Rupert Murdoch, dono da News Corp (conglomerado midiático internacional que inclui canais de TV, jornais e serviços de internet).

O anúncio está previsto para acontecer em Nova York às 14h (horário de Brasília) e a expectativa é grande! Apesar de gratuito no início, o The Daily deve custar US$ 0,99 por semana.

De acordo com Bruno Romani, da Folha.com, o “contato do diário com a internet deverá ser quase inexistente. Ele será entregue aos assinantes todas as manhãs e ganhará atualizações mínimas durante o dia. Compartilhar reportagens em redes sociais não será possível. E o site trará gratuitamente cerca de dez histórias presentes na publicação do dia”.


Via.

Motorola ataca Apple em comercial do Super Bowl

01/02/2011

A Motorola decidiu vir com tudo e promete atacar a Apple de frente durante o Super Bowl, no próximo domingo.

A empresa pretente promover seu tablet, chamado Xoom, durante a final do campeonato de futebol americano, mas quer dar uma cutucadinha no seu principal concorrente. No teaser, a empresa diz que 2011 está muito parecido com 1984, ou seja, aquele ano que a Apple dizia que éramos escravos da IBM. Agora a Motorola reverte o jogo, e diz que agora nós somos escravos da Apple. O vídeo finaliza dizendo que é hora de termos mais opções.

Alguem vai me apedrejar se eu disser que não discordo da Motorola?!

Vale a pena saber

O próximo Super Bowl foi marcado pela corrida de grandes anunciantes norte-americanos, entre eles General Motors e Pepsi. Em outubro, o porta-voz da Fox Sports, emissora que transmitirá o evento, afirmou que mais de 90% das cotas foram vendidas.

Vale lembrar que cada comercial de 30 segundos foi vendido por algo em torno de US$2,8 milhões e US$3 milhões!


Via.

O futuro dos Tablets

24/01/2011

Nesta última sexta-feira teve palestra do Terence Reis, diretor de operações da agência pontomobi, no Campus Party, onde ele falou de um assunto muito interessante: o futuro dos Tablets.

Segundo ele, nos próximos anos, os tablets receberão parte bastante significativa das atenções e investimentos de quem lida com tecnologia digital. Ele ainda destacou a grande predominância desse gênero de equipamentos entre os lançamentos exibidos na recente edição da feira de gadgets Consumer Electronics Show, e a venda de 17 milhões de unidades desses equipamentos em menos de um ano de existência de sua categoria, inaugurada com o lançamento, em meados abril último, do iPad (responsável, aliás, por 15 milhões do total de unidades comercializadas).

Esse número já conferiu aos tablets cerca de 5% do mercado de computadores pessoais. E há a perspectiva – talvez até conservadora -, de venda de 82 milhões desses equipamentos em 2012. Simultaneamente, devem perder espaço os notebooks, substituídos em escala crescente por essa nova categoria.

Reis lembrou porém que, embora possa revolucionar as modalidades habituais de acesso à web e relacionamento com os computadores pessoais, o iPad é também uma evolução de iniciativas anteriores, como o Palm e outros equipamentos móveis. Mas o timing favoreceu o desempenho mercadológico do novo produto da Apple, lançado quando o iPhone já habituara os consumidores a modalidades diferenciadas de interação e acesso aos conteúdos digitais, como os comandos por toques e os aplicativos.

No futuro, ele crê, os tablets estarão em toda a parte, e constituirão ferramentas de interatividade digital customizadas para as necessidades e interesses de seus usuários. Não serão porém, ao contrário da crença hoje existente em muitas editoras, a tábua de salvação de jornais e revistas: “Não não sei se mais consumidores irão querer pagar pelo conteúdo desses meios em tablets”, ponderou Reis. “A questão não é de meio, e sim de conteúdo. E jornais e revistas precisarão disputar os recursos com as próprias assinaturas e os conteúdos dos tablets”, acrescentou.

Como prova disso, temos mais um tablet vindo por aí: é o tablet Xoom, da Motorola. A possível data de lançamento é dia 17 de fevereiro nos EUA.

Via.

Samsung lança o primeiro tablet no Brasil

19/11/2010

A Samsung aproveitou a (não admitida) falta de interesse da Apple (iPad) no Brasil e lançou o primeiro tablet para o mercado brasileiro: o Galaxy TAB. O dispositivo chegou na noite desta quinta-feira, 18, nas operadoras Vivo, TIM e Claro e também na Oi, que entra como varejo, e, ainda, no próprio varejo.

Os grandes diferenciais do Galaxy TAB em relação ao iPad, que deu início à corrida mundial pelo mercado de tablets, é que o aparelho permite chamadas de voz, capta os sinais da TV digital brasileira (único modelo no mundo que faz isso) e também o sinal analógico (o sistema é misto, capaz de transitar entre o analógico e o digital, conforme a disponibilidade da cobertura de um ou outro), e roda Flash, que é uma tecnologia desprezada pela Apple. Por fim, o aparelho é equipado com o Android Froyo 2.2, da Google, e dispõe de mais de 100 mil aplicativos no Market Place, que é a loja de aplicativos do sistema operacional.

Ainda como diferencial para o mercado brasileiro, o tablet da Samsung chega ao mercado com conteúdo pré-embarcado: há livros da Publifolha, editora do jornal Folha de S.Paulo, a série Aplauso, da Livraria Cultura, e também acesso ao acervo da Livraria Cultura.

Na Vivo, o aparelho custará R$ 2.299 para usuários pré-pagos, sem planos de dados. O preço mais barato, de R$ 599, é para planos completos de voz e 8 GB de dados. Na Claro, o tablet custa a partir de R$ 1.099, com preço máximo de R$ 2.699. Na TIM, o Galaxy TAB sairá por R$ 2.280. Nas três operadoras, é possível comprar o aparelho em condições facilitadas de pagamento, como, por exemplo, em até 12 parcelas.

A Vivo lança antes o tablet em São Paulo e no Rio de Janeiro e, na semana que vem, começa a oferecer o aparelho para os demais estados. O vice-presidente de operações da Vivo, Paulo César Teixeira, disse que, quanto ao iPad, ainda não há previsão de lançamento para o Brasil. Anteriormente, as operadoras tinham a expectativa de que o tablet da Apple chegasse ao mercado brasileiro em meados deste mês. Por enquanto, no entanto, a Apple, oficialmente, ainda não lançou o aparelho no País.

Fonte: ProXXima